ESTADÃO PME » » notícias

Internet| 01 de agosto de 2012 | 6h 30

Enjoou do produto? Site vende objetos que não agradam mais o dono

Site começou após publicitária resolver vender sapatos e roupas que ocupavam espaço demais no guarda-roupa

GISELE TAMAMAR, ESTADÃO PME

Reprodução site
Reprodução site
De blog, Enjoei passou a site e já conta com 5 mil produtos

Com o guarda-roupa abarrotado de roupas e sapatos, a publicitária Ana Luiza McLaren, de 30 anos, resolveu colocar as peças para vender. "Vê aí para mim se o domínio enjoei.com.br está disponível. Enjoei! Vou vender tudo isso pela internet", perguntou Ana a Tiê Lima, 32 anos, na época namorado e hoje marido. A ideia deu certo durante três anos por meio do blog e se concretizou em um site há um mês. Hoje, o portal já conta com mais de 5 mil produtos à venda.

Os anúncios não usam a linguagem tradicional de classificados. O Enjoei se preocupa em saber a história do produto para contar aos interessados. Um óculos da marca Ray-ban está em oferta no site porque a dona "perdeu a cabeça nos Estados Unidos e comprou mais do que precisava". Tem ainda uma cafeteira comprada para agradar o marido, mas o café começou a fazer mal para ele. Outro exemplo é uma sapatilha de criança usada poucas vezes.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::
:: Twitter ::
:: Facebook ::
:: Google + ::

E há produtos para todos os gostos. Desde roupas e acessórios até a categoria etc&tal, com patins, guitarras, helicóptero controlado com o iPhone e até um Fusca azul. Para quem enjoou de alguma coisa e pretende vender, é só se cadastrar no site, mandar uma foto do objeto e contar a história. Caso a opção seja aprovada e vendida, a comissão cobrada é de 20% mais R$ 2,15.

Para sair do patamar de blog e chegar ao status de site, o Enjoei recebeu um suporte financeiro do empreendedor Arnaldo Goldemberg, um dos sócios do site. "Resolvi estruturar o negócio, me planejar e buscar um investimento inicial", conta Lima, que prefere não revelar o valor da ajuda.

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui



Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo